Por: Carlos Filipe | 02/02/2019

O xadrez de Içara iniciou o ano de 2019 com boas apresentações em competições de alto nível técnico. A última conquista foi com o atleta João Vinicius Woichinevski, na disputa do Floripa Chess Open. Agora o técnico Claudionor Pirola é que terá o desafio de levar o nome de Içara ao pódio. Em Portugal, ele participa do Aberto Internacional de Lisboa de Xadrez Pensado e Rápido entre os dias 2 e 10 deste mês. Pirola compete representando a Fundação Municipal de Cultura e Esportes de Içara (FMCE), ACX-Içara e Unesc.

“Vamos a busca de cumprir dois objetivos nesse evento. O primeiro a questão do aprimoramento técnico que trará um importante retorno para as aulas ministradas em Içara e também a busca por uma parceria junto ao clube de Lisboa e Guimarães, onde vamos buscar estabelecer intercambio entre os enxadristas içarenses e portugueses para o inicio de 2020”, destacou o técnico içarense.

A disputa terá a participação de 201 enxadristas, representando 40 países.