Por: Litoral Sul | 1 mês atrás

O Programa “Valoriza Maracajá”, que consiste na troca de notas fiscais de mercadorias e serviços adquiridos em Maracajá por cupons para concorrer, mensalmente, a prêmios de R$ 1 mil em dinheiro e a uma motocicleta em dezembro, se estenderá para 2020, se houver concordância da Câmara de Vereadores.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

A informação é do prefeito Arlindo Rocha, feita no final da manhã desta segunda-feira, 15, quando ocorreu mais um sorteio, desta vez contemplando o agricultor Luciano Pereira, conhecido como Cravo, morador da localidade Garajuva. Para este sorteio mais de 32,2 mil cupons estavam concorrendo.

“Este é um programa que deu certo, tem ampla participação da nossa comunidade e, por isto, deve ser repetido no próximo ano”, disse o prefeito de Maracajá, salientando que “todos devem continuar exigindo nota fiscal, pois esta atitude representa mais recursos para investirmos em obras e serviços no município”.

O diretor de Agricultura do município, Luiz Martinello, o Neguinho, em seguida tirou o cupom de número 25.000, depositado por Luciano Pereira. “Venho participando desde o início, tenho incentivado a família e os amigos a participar e todo mundo está pedindo cada vez mais notas fiscais”, comemorou o sorteado.

Para participar, valem notas fiscais, na proporção de um cupom para R$ 50,00 em compras. São validas, também, as notas fiscais de produtores rurais inscrito em Maracajá, referentes à venda de produtos agrícolas para empresas, ou consumidores finais. A cada nota, ou soma de notas de produtor rural, que alcançar o valor de R$ 500,00 dará direito a um cupom.