Por: Litoral Sul | 11/07/2019

A Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES) divulgou o Ranking ABES da Universalização do Saneamento, um importante instrumento de avaliação do setor no Brasil. De acordo com a pesquisa que apresenta o percentual da população das cidades brasileiras onde os resíduos sólidos recebem destinação adequada, os municípios de Criciúma, Içara e Sombrio têm 100% de coleta de resíduos sólidos realizada e 100% do conteúdo coletado tem a destinação correta. Nos três municípios que fazem parte do Sul do Estado, o trabalho de coleta, transporte e destinação dos resíduos sólidos é feito pelo Grupo RAC (RAC Saneamento e RACLI Limpeza Urbana).

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

“Promovendo a destinação correta destes resíduos, nós evitamos a contaminação do solo, das águas subterrâneas, além de impedir a proliferação dos vetores transmissores de doenças. Com o trabalho realizado pela RAC, garantimos a preservação do Meio Ambiente e contribuímos significativamente com a saúde pública”, explica a engenheira sanitarista e ambiental da RAC, Ionice Maria Vefago.

De acordo com ela, somente em Criciúma, são coletados diariamente 150 toneladas de resíduos sólidos que recebem a destinação correta no aterro sanitário da RAC. “São toneladas recolhidas semanalmente que recebem a destinação correta graças ao trabalho promovido pela empresa e a pesquisa só reforça este comprometimento com o meio ambiente e com a saúde das pessoas”, reforça Ionice.

A RAC Saneamento tem a missão de disponibilizar soluções para o gerenciamento dos resíduos sólidos gerados pelos municípios, comércio e indústria, auxiliando na melhoria dos índices de saneamento locais e na preservação do meio ambiente, utilizando para tal, tecnologias adequadas de tratamento e disposição final de resíduos sólidos, desta forma melhorando efetivamente a qualidade de vida da população atual e futura.