Por: Litoral Sul | 07/06/2019

Para contribuir com a sustentabilidade do meio ambiente, o Laboratório Hidroambiental, localizado no bairro Michel em Criciúma, há 12 anos presta serviços de análises ambientais, na área físico-química, microbiológica em águas e efluentes.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui 

Visando a eficácia de suas análises e qualidade aos clientes (empresas geradoras de efluentes líquidos), seus profissionais treinados estão comprometidos em realizar os serviços dentro das normas e legislações vigentes.

“Nosso compromisso é a busca da qualidade como laboratório na área ambiental”, destaca a responsável técnica do Laboratório Hidroambiental, Andreia do Nascimento.

Saiba mais

Causas da poluição da água

As fontes de poluição da água são separadas em duas categorias, dependendo da origem do poluente. São causas humanas, como o descarte incorreto de produtos e o lançamento de esgoto e produtos químicos na água.

Fontes pontuais

São fontes individuais facilmente identificadas, como um encanamento ou uma vala. Exemplos dessa categoria incluem o lançamento dos poluentes de uma fábrica diretamente na água.

Fontes não pontuais

Também chamadas de fontes difusas, são relacionadas à contaminação que não é originada de uma fonte individual e discreta. Como elas não são provenientes de um ponto de lançamento ou de geração específico, o controle e a identificação são difíceis. Alguns exemplos de fontes difusas são a infiltração de agrotóxicos no solo, o descarte incorreto de substâncias prejudiciais ao meio ambiente, o lixo e o lançamento de esgoto diretamente nos córregos.

Efeitos no meio ambiente

Constantemente aparecem notícias sobre vazamentos de óleo ou cenas de água poluída perto de fábricas e de áreas urbanas. Devem existir outros exemplos visíveis de poluição da água perto da sua casa. Alguns tipos são facilmente identificados, enquanto outros podem não ser notados até que causem grandes danos. Mesmo que a água de um rio ou lago pareça limpa, ela pode conter um número grande de poluentes.

Os efeitos dos diferentes tipos de poluição da água são complexos e, em muitos casos, ainda não compreendidos totalmente. Diferentes organismos podem responder de modo distinto para o mesmo tipo de poluição. Alguns têm sua taxa de reprodução e crescimento aumentada enquanto outros têm seu tempo de vida reduzido, levando à sua morte. Outros fatores como temperatura, ocorrência de chuvas e a velocidade do fluxo da água têm influência direta com os efeitos da poluição. Uma coisa é certa: todos os tipos de poluição têm efeitos negativos para o meio ambiente em diversas formas.

O que você pode fazer?

Além das medidas de controle e tratamento realizadas pelos governos, existem algumas simples ações que você pode fazer para ajudar. Confira algumas dicas abaixo:

Descarte seu lixo de maneira correta (veja onde reciclar);

Diminua seu lixo;

Faça compostagem com seus resíduos orgânicos;

Tenha preferência por alimentos orgânicos;

Caso tenha horta ou plantação, tente não utilizar fertilizantes industriais e diminua o uso de pesticidas. Veja oito passos para fazer sua horta orgânica;

Não jogue remédios, cigarros, camisinhas, fraldas, absorventes ou qualquer outro lixo que contenha substâncias nocivas na privada;

Não jogue tintas, solventes, óleos e outros produtos que contenham químicos diretamente no ralo;

Pratique o consumo consciente de água. Evite desperdícios!