Por: Litoral Sul | 30/05/2018

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), esclarece que não procede a informação, que vem sendo divulgada em redes sociais e alguns meios de comunicação, que traz duas imagens de um corpo, acompanhadas de um áudio, indicando que a vítima tivesse sido morta em uma ação da PRF, em um desbloqueio de rodovia na manifestação atual dos transportadores de carga.

A imagem que foi divulgada é de um jovem, vítima de homicídio, na cidade de Capim Grosso.

A Polícia Rodoviária Federal esclarece que, durante o presente movimento, não houve registro de nenhuma morte nessas manifestações dos caminhoneiros. Continuaremos acompanhando as manifestações, coibindo eventuais excessos, buscando a ordem pública e a segurança da população.

 Polícia Rodoviária Federal

Superintendência da PRF

Núcleo de Comunicação Social